Notícias

Paulo Sousa elogia atuação do Flamengo, mas pondera: “Temos que dar as mãos para sermos mais fortes”

Técnico afirmou que o Mengo foi ‘bem superior’ ao Atlético-GO e voltou a bater na tecla sobre a união do grupo

Neste sábado (09), o Flamengo enfrentou o Atlético-GO em jogo de estreia do Campeonato Brasileiro, e o duelo terminou empatado em 1 a 1. Após a partida, Paulo Sousa analisou como positiva a atuação do Mengo e falou sobre a importância em manter a união do grupo.

Acho que temos que reforçar a capacidade que nós tivemos. Só por muito pouco que nós não saímos vencedores. Acho que fomos muito superiores ao adversário em todos os momentos do jogo, mas principalmente na parte final. Podíamos, com certeza, fazer mais gols e sair daqui vitoriosos. Em relação à pergunta, nós temos que dar as mãos, têm que ser bem unidas. É uma camisa forte, muito representativa, e necessitamos que ela seja bem representada -, disse, antes de prosseguir:


As melhores ofertas para produtos do Flamengo: aproveite desconto e brindes!


Não podemos ter nós em primeiro lugar. Nenhum de nós termos isso – em termos gerais. Não estou a falar de dentro do clube ou fora do clube, mas de todos. Temos que dar as mãos para sermos mais fortes, sermos consistentes em nossos resultados. Não é ganhar um ano, um jogo. A consistência tem que partir de todos nós, e o clube sempre à frente de tudo. É o momento hoje, amanhã e sempre: darmos as mãos e sermos unidos -, concluiu.

Apesar do tropeço, o Flamengo não tem tempo para lamentar o resultado e, agora, precisa virar a chave e se concentrar no próximo desafio: o jogo contra o Talleres, pela Libertadores. A partida será disputada na terça-feira (12), no Maracanã, às 21h30 (de Brasília).

Link da resenha

E pra você que curte o mundo esportivo -- entre agora mesmo em Palpites GE e tenha sempre em mãos as melhores dicas de investimento no futebol brasileiro e internacional.