Notícias

‘Trabalho do Paulo Sousa é péssimo e não consigo acreditar que vai melhorar’, declara jornalista


‘Trabalho do Paulo Sousa é péssimo e não consigo acreditar que vai melhorar’, declara jornalista
'Trabalho do Paulo Sousa é péssimo e não consigo acreditar que vai melhorar', declara jornalista
Foto: Marcelo Cortes / Flamengo

O Flamengo venceu na estreia da Libertadores, mas não convenceu. A equipe derrotou o Sporting Cristal por 2 a 0, gol de Bruno Henrique e Matheuzinho e foi importante para iniciar com o pé direito, mas jogou uma bolinha murcha. Poucos jogadores tiveram uma atuação razoável, como João Gomes que entrou no segundo tempo e dominou o meio de campo. ‘Quando um clube grande não ganha pessoas tentam nos atacar’, diz David Luiz.

Siga o Diário do Fla no Twitter

Na live do Flamengo, transmitida pelo portal “UOL”, Renato Maurício Prado analisou a partida e as decisões de Paulo Sousa. O jornalista não acredita que o trabalho do treinador vai evoluir, mas acredita que o time também não tem ajudado.

“Eu notei que, dessa vez, o Paulo Sousa esteve muito mais contido na beira do gramado. Nos jogos contra o Fluminense, ele cobrava muito, gesticulava e isso gerou até vídeos na internet. Muita gente até defendeu que os jogadores não estão fazendo o que ele quer. Eu acho que o trabalho dele é péssimo até o momento e não consigo mais acreditar que vai melhorar”, começou dizendo Renato Maurício Prado.

Siga o Diário do Fla no Instagram

“O ambiente é muito ruim para ele. Hoje, ele teve que fazer algumas concessões, mas o time não flui e isso é uma coisa impressionante. A equipe não tem conjunto, a defesa não consegue sair jogando. O Flamengo desaprendeu a sair tocando a bola? Tirando o David Luiz, que veio agora e mais Léo Pereira e Gustavo Henrique, já jogou com uma porção de treinadores”, disse o comentarista.

Arrascaeta não foi relacionado para a partida porque voltou da Seleção com dores no tornozelo esquerdo e piorou após o Fla-Flu. O uruguaio tem sido o principal jogador da equipe, quando não está em campo, fica um deserto de ideias. A ausência do atleta também foi abordada por Renato Maurício Prado.

Curta o Diário do Fla no Facebook

“O meio de campo, quando não tem Arrascaeta, marcar mal e não arma rigorosamente nada. Andreas Pereira voltou a ser titular hoje com aquela atuação típica dele, de muito entrega, mas com pouco efeito na armação e na defesa. Eu acredito que estão jogando a contratação dele para a torcida”.

“A verdade é que o time do Flamengo não flui, a química não existe. O time é um bando em campo. O Gabigol fez uma partida horrorosa lá no ataque. Eu estava preocupado com a estreia na Libertadores e agora estou preocupado com a estreia no Campeonato Brasileiro porque vai pegar o Atlético-GO lá em Goiânia, depois do Dragão dar uma sapatada na LDU. O Flamengo que se cuide”, finalizou o jornalista.



Link do Artigo do DiariodoFla.com.br

E pra você que curte o mundo esportivo -- entre agora mesmo em Palpites GE e tenha sempre em mãos as melhores dicas de investimento no futebol brasileiro e internacional.