Notícias

Clássico opõe Vasco e Fla, mas revela desequilíbrio dentro e fora de campo


16/3/2022 08:07

Flamengo e Vasco se enfrentaram na Taça Guanabara com vitória dos rubro-negros por 2 a 1 no Nilton Santos (Imagem: Thiago Ribeiro/AGIF)

Donos das duas maiores torcidas do Rio de Janeiro, Flamengo e Vasco popularizaram o duelo como o “Clássico dos Milhões”. Ao longo de décadas, protagonizaram grandes embates, numa rivalidade que, atualmente, segue acessa, mas em realidades bem opostas, tanto dentro quanto fora de campo.

Hoje (16), às 20h (de Brasília), pelo jogo de ida das semifinais do Campeonato Carioca, no Maracanã, as equipes se enfrentam novamente opondo suas diferenças. Enquanto o mandante Vasco ainda está em processo de formação de elenco visando a disputa de mais uma edição da Série B, o Flamengo segue apontado como um dos times mais fortes do país e considerado um dos favoritos em todas as competições que atuará.

LEIA TAMBÉM: Flamengo reafirma acordo de compra e atualiza pendências em contatos com Andreas e United

No Cruz-Maltino, a chama de esperança foi acesa com a porta que se abriu ao futebol brasileiro: a Sociedade Anônima do Futebol (SAF). Com um planejamento global de expansão, os norte-americanos da 777 Partners assinaram um memorando de entendimento com o clube de São Januário dispostos a assumir a dívida total da agremiação e também investir R$ 700 milhões ao longo dos próximos três anos.

Internamente, o Vasco já superou duas do total de seis etapas para a formalização da SAF e consequente venda de 70% à empresa. Ainda falta, porém, o processo passar pelo crivo de duas votações no Conselho Deliberativo e duas entre os sócios.

Enquanto a “era SAF” não chega, algo previsto para meados de junho, o Cruz-Maltino vive sua realidade de contas apertadas, reforços modestos e período de convencimento junto ao torcedor, que ainda está desconfiado por conta das três derrotas em clássicos até aqui na temporada e, principalmente, a eliminação precoce na segunda fase da Copa do Brasil para a Juazeirense.

Volante da equipe, Zé Gabriel admite o favoritismo do Flamengo, mas ao mesmo tempo minimiza a vantagem do rival.

“Esse favoritismo deles é justo pelas últimas temporadas, os títulos, mas futebol é jogado. A gente tem que fazer nossa parte, sabemos que será um jogo duro, temos nossa estratégia, são dois jogos, 180 minutos. Tem que entrar bem mentalizado, tudo que vier a acontecer na quarta não está nada decidido porque ainda tem domingo”, disse, se referindo ao jogo de volta também no Maracanã.

Pelo lado do Flamengo, a rivalidade centenária com o Vasco segue acesa na Gávea, mas é fato que a ausência do adversário nas grandes competições pulverizou um pouco as atenções.

No topo dos principais torneios nos últimos anos, o Fla viu o antagonismo contra Palmeiras e Atlético-MG crescer enquanto o Cruz-Maltino sofre para voltar para a elite do futebol nacional. Tricampeão do Carioca, o Rubro-Negro busca o inédito tetra e se prepara para encarar o rival pelas duas últimas vezes no ano.

A disparidade de qualidade técnica em campo começa a ser desenhada pelas finanças. Para este ano, os rubro-negros esperam passar da casa do bilhão em faturamento. Embora o Vasco tenha uma torcida que se espalha por todo o país, a diferença entre os dois gigantes tende a se acentuar, embora o Vasco tente se reerguer com a SAF.

Ao passo que o Vasco aperta o cinto para manter as contas básicas em dia, o Flamengo vive dias de fartura e prevê investimentos grandiosos no futebol. Só a compra de Andreas Pereira, por exemplo, deve custar nada menos que R$ 60 milhões aos rubro-negros.

Dentro das quatro linhas, o Fla tem feito prevalecer seu poderio nos embates recentes. Na última vez que se enfrentaram em uma final, o Rubro-Negro venceu os dois jogos e levantou a taça do Carioca de 2019.

No último dia 6, já classificados às semifinais do Estadual, se enfrentam pela décima rodada da Taça Guanabara e o Flamengo levou a melhor vencendo por 2 a 1, no estádio Nilton Santos, diante de um time misto do Vasco.

A última vitória cruz-maltina aconteceu no Campeonato Carioca do ano passado, por 3 a 1, no Maracanã.

VASCO x FLAMENGO

Competição: Campeonato Carioca, semifinal
Estádio: Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ)
Dia: 16 de março de 2022 (quarta-feira)
Horário: 20h (horário de Brasília)
Árbitro: Felipe da Silva Gonçalves Paludo
Auxiliares: Luiz Claudio Regazone e Michael Correia
VAR: Carlos Eduardo Nunes Braga

VASCO: Thiago Rodrigues; Weverton (Léo Matos), Anderson Conceição, Juan Quintero e Edimar; Yuri Lara, Zé Gabriel e Bruno Nazário; Nenê, Gabriel Pec e Raniel. Técnico: Zé Ricardo

FLAMENGO: Hugo Souza; Fabrício Bruno, David Luiz e Filipe Luís; Rodinei (Matheuzinho), Willian Arão, Andreas Pereira e Arrascaeta; Everton Ribeiro, Bruno Henrique e Gabriel. Técnico: Paulo Sousa

Clássico, opõe, Vasco, Fla, desequilíbrio, campo


21 visitas – Fonte: Uol



VEJA TAMBÉM

Ex-jogador Luizão quer R 25 mil por aparecer em figurinha do Flamengo

Reforço! Flamengo fica perto de acertar contratação de meia do Shakhtar

Clube chileno faz sondagem e avalia contratação de jogador do Flamengo

VEJA: Flamengo aparece entre os seis melhores clubes do mundo em ranking do IFFHS; confira

CONFIRA: Flamengo tem dificuldade para fechar com novo goleiro e negócio vira novela

E MAIS:

CEBOLINHA NO FLAMENGO OU PALMEIRAS? LISTA PRO MUNDIAL; DIEGO COSTA VEM HJ? ANDREAS: MICHAEL E MAIS

Instale o app do Flamengo para Android, receba notícias e converse com outros flamenguistas no Fórum!
Notícias de contratações do Flamengo
Notícias mais lidas



Link Original

E pra você que curte o mundo esportivo -- entre agora mesmo em Palpites GE e tenha sempre em mãos as melhores dicas de investimento no futebol brasileiro e internacional.