Notícias

Análise Tática Athletico x Flamengo: Intensidade, união e evolução precisam continuar

(Foto: Reprodução/Gilvan de Souza/Flamengo)

Flamengo e Athletico se enfrentam neste sábado (23/04), às 16h30, na Arena da Baixada, pela terceira rodada do Campeonato Brasileiro. O Mais Querido vem de um bom momento. Sem perder a seis jogos, o rubro-negro está evoluindo a cada confronto. Mesmo com o empate sem gols em casa contra o Palmeiras, a equipe apresentou um ótimo futebol. Agora, a intensidade, união e evolução precisam continuar e se traduzir em vitória.

Para a partida, o Flamengo continua com oito desfalques: Fabrício Bruno, Rodrigo Caio, Gustavo Henrique, Matheuzinho, Ayrton Lucas, Matheus França, Vitinho e Bruno Henrique. Ainda assim, Paulo Sousa deve manter a estrutura em um 3-4-2-1 com a bola. Na primeira linha, Arão fica pela direita, David Luiz central e Filipe Luís pela esquerda, com a possibilidade de Pablo fazer a estreia e entrar na vaga de um deles.

Na ala-direita, sem Matheuzinho e com Rodinei em má fase, Isla inicia novamente. O chileno, que fez um golaço contra o São Paulo, teve grande atuação contra o Palmeiras, sendo sempre uma opção de velocidade pelo corredor. A dupla de volantes continua com João Gomes, que vem sendo o destaque do time, e Thiago Maia, cada vez mais adaptado ao esquema.

Já na ala-esquerda, Lázaro inicia o confronto. O garoto vem se destacando muito no setor, tendo como característica cortar para dentro e dar um passe de profundidade, acionando o trio ofensivo. Na frente, Gabigol fica mais avançado, com Everton Ribeiro por trás dele pela direta e Arrascaeta pela esquerda, tendo uma movimentação constante entre os três jogadores.

Pedro e Marinho são opções interessantes para botar ao longo da partida. O centroavante é um jogador mais de área, com menos mobilidade. Ele pode ser importante caso o Athletico esteja muito retrancado, pois o atleta tem a capacidade de prender dois zagueiros na marcação e fazer o pivô. Já o ponta pode entrar pela direita, cortando para o meio, ou na ala-esquerda, dando mais profundidade ao time, com velocidade e força pelo corredor.

Ou seja, são boas opções de Paulo Sousa. Mas, para a vitória, é fundamental que o time mantenha a postura vista nos últimos jogos. Grupo precisa jogar compacto, sem deixar espaços entre as linhas, além de botar muita intensidade na partida, com e sem a bola. Caso faça isso, se movimente, troque passes rápidos e capriche nas finalizações, tem tudo para ter um ótimo resultado a favor.

Link do Artigo do DiariodoFla.com.br

E pra você que curte o mundo esportivo -- entre agora mesmo em Palpites GE e tenha sempre em mãos as melhores dicas de investimento no futebol brasileiro e internacional.